Dr. Arany Tunes, CRO-SP 57366

Imprensa


Mau hálito: sua saúde em perigo


Todos nós já tivemos a oportunidade de conversar com alguém com Halitose (nome científico do mau hálito). A situação é extremamente desagradável, pois o cheiro que vem da boca da pessoa com este problema incomoda, e muito.

Mas, afinal de contas, por que será que algumas pessoas têm mau hálito?

A Halitose é conhecida pela humanidade há séculos. Há menções sobre o mau hálito na literatura antiga, até mesmo antes de Cristo. O problema também é mencionado na Bíblia (Jó 19, 17).

Durante décadas o mau hálito foi assunto de importância apenas para grandes companhias farmacêuticas, vendendo produtos que na maioria das vezes apenas mascaram o hálito por pouco tempo (no máximo meia hora) e que não ajudam a solucionar o problema.

Há cerca de 20 anos o mau hálito tem recebido a merecida atenção da comunidade científica. Hoje, sabe-se que existem cerca de 60 causas diferentes para o mau hálito.

A causa pode ser desde uma simples higiene bucal deficiente até problemas mais sérios, que podem até mesmo comprometer a vida do paciente e levar à morte.

Algumas doenças sistêmicas podem provocar halitose: diabetes, febre reumática, escorbuto, hemofilia, leucemia, sífilis etc, são apenas exemplos de doenças muito graves que têm como um dos sintomas a halitose.

O que nos preocupa em relação à halitose é o fato de que as pessoas que têm mau hálito constante não sentem o cheiro que vem da própria boca. Chamamos esta situação de fadiga olfatória.

Então, pessoas que conhecemos e que têm mau hálito não sabem do problema?

Exatamente. E o pior de tudo: podem ter alguma doença séria, que necessita de tratamento urgente.

Fica no ar então uma pergunta: Como ajudar estas pessoas? É muito difícil dizer a uma pessoa que ela tem mau hálito a situação é constrangedora e o medo de provocar mágoa é muito grande.

Uma solução seria entrar em contato com um profissional que trata casos de halitose e deixar os dados desta pessoa, para que ela seja alertada através de uma carta ou e-mail, de uma maneira cordial e educada, que ela tem mau hálito, que o problema é sério, e que existe solução.

Por outro lado, pode ser que você que está lendo este artigo tenha mau hálito (lembra da fadiga olfatória?).

Na dúvida, consulte seu dentista ou um profissional especializado. Ele poderá medir o seu hálito com um aparelho chamado Halimeterä e tirar suas dúvidas.

*Dr. Arany Tunes é Cirurgião-Dentista e atende casos de halitose em seu consultório


Quero receber mais informações

Voltar


Todos os direitos reservados Clínica Halit® - Desenvolvido por Guia-se

Dr. Arany Tunes é Cirurgião-Dentista, atende casos de halitose (mau hálito) e possui vasta experiência na área. A Clínica Halit oferece, desde a primeira consulta, o tratamento de combate ao mau hálito, e atua na indicação de remédio para mau hálito.
No tratamento do mau hálito, o paciente será sempre atendido com absoluto sigilo, discrição e competência no assunto. Atendemos casos de halitose nas clínicas em São Paulo, Campinas, Sorocaba, Indaiatuba e Piracicaba/SP.


Atende outras cidades da região: Americana, Artur Nogueira, Cosmópolis, Holambra, Hortolândia, Itatiba, Jaguariúna, Monte Mor, Paulínia, Pedreira, Santa Bárbara d’Oeste, Sumaré, Valinhos, Vinhedo, Piracicaba, Limeira, Capivari, Jundiaí.


Grande São Paulo e Região de Sorocaba: Santo André, São Bernardo, São Caetano do Sul, Diadema, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Mogi das Cruzes, Sorocaba, Itapetininga, Tietê, Itu, Tatuí, Taboão da Serra, Jarinu, Alphaville, São Roque, Barueri, Jandira, Itapevi, Vargem Grande Paulista, Cotia, São Lourenço da Serra, Juquitiba, Embu-Guaçu, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Poá, Ferraz de Vasconcelos, Suzano, Santa Isabel, Arujá, Mairiporã, Caieiras, Mauá, Itaquaquecetuba, Guararema, Salesópolis, Biritiba-Mirim, Cubatão, Pirapora do Bom Jesus, Sarapuí, São Miguel Arcanjo, Pilar do Sul, Tapiraí, Piedade Salto de Pirapora, Votorantim, Capela do Alto, Iperó, Tuiuti, Morungaba, Itatiba, Campo Limpo Paulista, Araçariguama, Cabreúva, Várzea Paulista, Itupeva, Louveira, Bom Jesus dos Perdões, Itu, Ibiúna, Nazaré Paulista, Piracaia, Joanópolis, Iperó, Capela do Alto, Atibaia, Porto Feliz, Capivari, Rafard, Guareí, Cesário Lange, Porangaba, Angatuba.


Outras regiões do país: Rio de Janeiro, Brasília, Goiânia.